fbpx

Nova Zelândia: a origem de nossa história

Formada por duas ilhas localizadas no Oceano Pacífico e com seu território equivalente ao do estado de São Paulo, no Brasil, a Nova Zelândia é um dos melhores países para se viver. Você sabia? Situada na Oceania, a Nova Zelândia, em 2019 foi considera pelo HSBC um dos melhores países para se viver no mundo para imigrantes. O ranking levou em consideração fatores como padrão de vida, oportunidades de carreiras e criar uma família.

Considerado um país multicultural, pelo grande fluxo de pessoas e culturas. A Nova Zelândia é um lugar muito promissor quando se leva em consideração fatores como respeito e igualdade. Receptivos e acolhedores de outras culturas, o povo neozelandês demonstra também muito orgulho de sua história, sua cultura e suas raízes. Os primeiros povoadores da Nova Zelândia foram os Maori, um povo indígena que está no lugar há mais de mil anos.

Mesmo pequeno em território, esse país possui uma riqueza cultural imensurável. O que torna a Nova Zelândia eu importante destino mundial para estudos, trabalho e turismo. E, nosso caso, não foi diferente. A Freedom Walls é fruto do encontro entre o casal Flávia, brasileira e Cris, chileno, que se conheceram na Nova Zelândia. Com a junção de duas cabeças geniais e o sonho de proporcionar às sociedades urbanas a qualidade de vida e o bucolismo do lifestyle neozelandês, nasce a Freedom Walls. Que, através de seus Jardins Verticais Naturais, traz um pouco de natureza para dentro das cidades.

Nova Zelândia, o amor pela natureza e pelas atividades ao ar livre

Não é à toa que o nome de nossos Jardins Freedom são sempre divulgados na língua Maori. Esse povo nos representa uma grande fonte de sabedoria e inspiração. Seja por sua expressão artística, através da simbologia, das esculturas em madeiras e de suas tatuagens. Mas também pela sua conexão com a natureza, que concebe a integração e a comunhão entre a natureza e o espírito.

Aquele que se propõe à passar um tempo na Nova Zelândia, encontra-se com a oportunidade de transformar completamente sua forma de viver, conceber e vivenciar a natureza. No país, as trilhas em matas e montanhas, os acampamentos e outras atividades ao ar livre são comuns e incentivadas. Como dois bons grandes aventureiros, em seu tempo residindo na Nova Zelândia, o casal Flávia e Cris, sempre e buscou por imersões na natureza. Valorizando trilhas e caminhadas em montanhas em seu tempo livre. Como por exemplo a Tongariro Crossing, que por eles foi visitada quatro vezes durante o período de residência no país.

Foi através dessa intensa conexão com a natureza e apreciação da cultura local que os criadores da Freedom Walls começaram a desenvolver um sistema para Jardins Freedom que pudesse levar o bem-estar da natureza para o meio urbano. Utilizando preceitos do Design Biofílico, que é a forma de utilizar a natureza, através de folhagens de plantas, para espaços urbanos. Com a finalidade de trazer mais conforto e qualidade de vida.

Criação da Freedom Walls

Foi na Nova Zelândia que os fundadores da Freedom Walls, Flávia Wolf e Cristóbal Ávila, descobriram uma paixão em comum: a natureza. Ao explorar diferentes paisagens, nas trilhas em mata fechada e nos fiordes (imensos vales rochosos inundados pelo mar), eles decidiram trazer a sensação de liberdade que sentiram em meio à natureza para espaços urbanos.

E foi através desse ímpeto, que depois de  6 anos morando na Nova Zelândia, acumulando experiências, Flávia e Cris tornaram possível a criação de uma empresa inovadora e cheia de tecnologia. Com o propósito de trazer a liberdade em forma de paz de espírito através da conexão com a natureza. Reunindo embasamento técnico e pilares da sustentabilidade (social, econômica e ambiental). E assim, concebemos como símbolo que nos representa o Koru – o broto da samambaia – que, na cultura Maori simboliza renascimento, crescimento, força e paz.

Freedom Walls no Brasil

Hoje, de volta ao Brasil, a Nova Zelândia ainda é um local de referência e inspiração, desde sua cultura, sua natureza até paisagens locais. Um local que tornou possível a criação de uma empresa que busca melhorar a vida das pessoas em meios urbanos. Transformando não só ambientes, mas também a qualidade de vida, o bem estar e a saúde mental das pessoas que neles convivem, através da conexão com a natureza

A presença de um Jardim Vertical Natural é capaz de gerar benefícios diários. Para o ambiente, através da redução de poluentes do ar como o formaldeído e o monóxido de carbono, por exemplo. E também às pessoas, produzindo a sensação de acolhimento e conforto. Criando uma relação completamente nova com  o ambiente ao seu redor, fazendo você se sentir melhor ao observar que a vida pode crescer em qualquer ambiente, até mesmo em uma parede de concreto.

Aliando tecnologia e engenharia, criamos o Sistema Conecta ®️, um Jardim Vertical com a capacidade de  dar vida à até 36 plantas por m2, garantindo que cada uma delas receba água e os nutrientes necessários de forma automatizada. O Sistema Conecta®️ é um modelo patenteado de sistema próprio de porta-vasos. Difereciado no mercado, ele conta com rega automatizada, baixa manutenção, facilidade na troca das plantas e um sistema livre de infiltrações. Permitindo assim, que a natureza possa se fazer presente no ambiente em que você desejar, seja no seu lar, no seu empreendimento ou no seu trabalho. 

Os fundadores da Freedom Walls

Cristóbal é engenheiro agrônomo e trabalhou durante seis anos na maior empresa de hortaliças da Nova Zelândia. Ele é chileno, natural da capital Santiago e tem mais de 10 anos de experiência no ramo da agricultura, trazendo sempre muitos conceitos e conhecimentos para o universo dos Jardins Verticais. Foi responsável por mais de 250 funcionários como gerente de operações. E nisso, Cris, como é carinhosamente chamado, desenvolveu habilidades como treinar, motivar e liderar equipes. Para ele, “o segredo para alcançar os objetivos propostos é criar uma boa relação com a equipe, com diálogo aberto e liderando por exemplo”. Ele é o cérebro por trás da empresa Freedom Walls, pensando fora do quadrado para inovar.

Flávia é engenheira civil e já desenvolveu obras de grande porte como pontes, rodovias e um edifício. Com quase 10 anos de experiência na área da construção civil, seu sucesso no trabalho sempre se deu por conta de muita paixão unida à dedicação.  Durante o período na Nova Zelândia, recebeu dois prêmios e chegou a conhecer John Key, o primeiro-ministro neozelandês na época. Flávia desenvolveu habilidades de planejamento e principalmente de execução por já ter trabalhado em projetos com custo e data de entrega definidas. Segundo ela ‘’planejar é fácil, o difícil é seguir o planejamento e fazer acontecer. E como fazer acontecer? Primeiro fazendo um planejamento realista, depois envolvendo toda a equipe e obviamente colocando a mão na massa’’. Ela é o motor, por trás da empresa Freedom Walls, tirando as ideias do papel e fazendo se tornarem realidade. 

Sendo assim, é através da união desses dois gênios e também do alto desempenho de uma equipe multiprofissional que a Freedom Walls acontece. Expandindo-se à nível nacional e se fazendo presente em 10 cidades e 3 estados. Transformando ambientes e vidas através do poder da conexão com a natureza. Hábito tão valioso que a cultura neozelandesa fez com que nos inspirássemos. 

E você? Gostou de saber um pouco mais da nossa história, de nossas referências e influências? Acompanhe nosso blog para saber mais, nos siga no Instagram e #RespireFreedom.

Compartilhe

Posts RELACIONADOS

Hera

Hera e sua abundância em propriedades medicinais

Dando sequência às nossas postagens de apresentação das plantas presentes em nossos Jardins Verticais Naturais temos a Hera. Conhecida cientificamente como Hedera helix L., é uma planta da família das Angiospermas, originária da Europa Central e Ocidental.

Jaraguá do Sul – Santa Catarina
(47) 98828 6877
jardinsverticais@freedomwalls.com.br
Jaraguá do Sul – Santa Catarina
(47) 98828 6877
jardinsverticais@freedomwalls.com.br